quinta-feira, março 13, 2008

Beleza exterior / Beleza interior (a verdadeira?!?)

Nesta frase, «a verdadeira beleza, vem de dentro».
Creio que se cometem pelo menos dois erros:

1.
Estabelece-se uma “verdadeira” beleza por oposição a uma falsa.

2.
Confunde-se a beleza de uma mulher/homem com a beleza de uma pessoa.

--

Sobre 1.
Ambas as manifestações de beleza são verdadeiras! Tanto a exterior, quanto a “interior”!

Negar a verdade da beleza a um corpo humano, seria negar também a beleza a uma árvore, uma paisagem, uma peça de design.

As pessoas que dizem que a “verdadeira” beleza vem de dentro, sofrem, no mínimo, de dificuldade em exprimirem-se.
Toda a beleza é verdadeira, ou não seria bela!

Pode-se, naturalmente, estabelecer uma espécie de ranking entre as várias formas de beleza e cada pessoa ter os seus critérios.


Sobre 2.
Mas não se pode confundir a beleza de uma pessoa, da sua personalidade, a qual não tem sexo, com a beleza de um corpo, que além de estética, é altamente sexual!

Pode-se preferir sempre a beleza “pessoal” à beleza “sexual”, mas não se pode, ou não se deve, cair no erro de misturar os dois conceitos, como se pudessem competir um com o outro.

Porque não creio que possam!

Etiquetas: ,